domingo, 5 de agosto de 2007

Existe Cachorro Racista?

Desde que eu era menina sempre ouvi dizer que existem determinados cães, e em especial determinadas raças de cães, que são racistas. Naquela época eu nunca me questionei a este respeito e eu mesma fui dona de um Pastor Alemão que, embora não pudesse ser chamado de "racista" pois sempre aceitou pessoas brancas, pretas, japonesas ou de qualquer raça, poderia ser chamado de "preconceituoso". Este cão tinha verdadeira aversão (e agressividade) com relação a mendigos e bêbados, bem como por bando de crianças barulhentas e sem camisa.
Mas será que existem mesmo cães racistas e cães que detestam determinado grupo de pessoas?
A verdade é que esta atitude agressiva não é reflexo de preconceitos como nós humanos entendemos. Mesmo que alguns cães pareçam ser mais agressivos e desconfiados com determinados grupos de pessoas, cães não gostam ou deixam de gostar mais ou menos de uma pessoa, seja ela negra, branca ou oriental, por causa de conceitos prévios a respeito de uma possível correlação entre a cor da pele e comportamento "padrão" tal como muitos humanos fazem.
Se um cão discrimina determinado grupo de pessoas é porque uma das três razões abaixo fizeram parte do seu desenvolvimento quando filhote:

1- Ele nunca teve contato ou até mesmo viu uma pessoas com estas características físicas.
Se um cão for criado apenas numa comunidade negra ele (o cão) provavelmente irá estranhar, podendo até demonstrar sinais de agressividade contra brancos. Da mesma forma cães que nunca tiveram contato com crianças, pessoas obesas ou que se utilizem de cadeira de rodas irão estranhar estes grupos.

2- O dono transmite insegurança ou desaprovação com relação a determinados tipos de pessoas.
Embora este sentimento possa ser involuntário e extremamente discreto o cão percebe e reage tentando compensar a insegurança do dono. Este era exatamente o caso do meu Pastor Alemão.

Meu cachorro era dotado de muita sensibilidade e instinto de guarda. Hoje, analisando minha relação com ele, percebo que todas as vezes que eu avistava um mendigo ou um bêbado (na época eu devia ter um 15 anos e morria de medo de ser abordada por estas pessoas) eu retesava a coleira, puxando o cachorro ainda mais para perto de mim.

Não foram necessárias muitas repetições deste movimento para que o cão percebesse o meu desconforto e passasse a dar o aviso aos transeuntes, que se enquadravam neste padrão, para que não se aproximassem. Neste caso o cheiro (bebida alcóolica ou da falta de higiene corporal) eram a dica para que ele começasse a latir ameaçadoramente. Da mesma forma, na região em que eu morava, era comum que bando de meninos voltando da praia atacassem pessoas para realizar pequenos furtos ou apenas para ameaça-las e dar boa risada da cara de pavor do pobre coitado. Mais uma vez, toda vez que eu avista um destes bandos eu puxava o cachorro para junto de mim .

E mais uma vez Tiquinho (este era o nome do cão) vinha em meu socorro.
Nestes casos eu imagino que além do cheiro de praia, a algazarra dos meninos, e a maneira que eles andavam pela rua (tentado cobrir um raio suficiente para cercar as pessoas) deflagrava os instintos do meu bicho. Claro que eu não sabia o que eu estava fazendo. Eu não estava tentando ensinar ao meu cachorro a me proteger, mas sempre eu o recompensava, já que me sentia aliviada com a distancia que estas pessoas mantinham de nós. Aliás, era uma dupla recompensa: Uma quando eu acabava acariciando o cão, e outra através das pessoas que se afastavam. Eu e elas estávamos mostrando ao Tiquinho que ele estava fazendo um belíssimo trabalho e que deveria continuar se aperfeiçoando.

Em poucos meses não era preciso mais que eu visse as pessoas "indesejadas" se aproximando, nem que eu puxasse a coleira do Tiquinho. Não subestimem os sentidos de um cão (olfato, visão e audição principalmente). Bastava estas pessoas estarem a centenas de metros de nós e Tiquinho logo se arrepiava e se colocava em posição de defesa (Graças a Deus, nunca de ataque).
3- Determinados grupos de pessoas estimulam o comportamento desconfiado do cão.
As pessoas que tem medo de cachorro acabam dando o sinal de que alguma coisa está errada, mesmo quando o dono e o cão estão tranqüilos.
Foi exatamente isso que aconteceu outro dia quando eu estava treinando um Rottiweiler de 1 ano e 2 meses.
É bastante comum que quando saio para treinar cães grandes como o Rott as pessoas evitem de passar muito perto de nós. Mas num dia em especial eu vinha caminhando calmamente com este belíssimo exemplar da raça, com a coleira totalmente frouxa, já que o cão é totalmente confiável e está quase pronto para andar sem guia, quando dois jovens negros começaram a andar em direção contrária a nossa.
Lá de longe eu já havia percebido que os dois vinham se cutucando e se empurrando e, tal como eu, o cachorro também percebeu.
Desta vez tenho certeza de que não mandei nenhum sinal para o Thor. Eu estava absolutamente calma e de espírito desarmado. Também não poderia enviar nenhum sinal pela guia, já que a mesma estava passando por trás do meu pescoço antes de chegar ao cão (justamente com o propósito de eliminar o vício de corrigir o cão quando estamos preparando o animal para andar fora da guia).
Na medida quem que os rapazes se aproximavam de nós, eles mais se cutucavam e se empurravam, com um tentando manter o outro próximo da rota do cachorro, enquanto que o que era empurrado tentava escapar.
A título de verificar o temperamento do Thor, resolvi manter o meu passo e não interferir na tensão da guia. Quando estávamos quase cruzando com os rapazes o Thor começou a rosnar muito baixinho. Era quase inaudível, na verdade eu podia mais sentir a vibração do corpo dele junto a minha perna do que propriamente ouvir o rosnado dele. Imediatamente reforcei o comando para que ele se mantivesse junto a mim e não toquei na guia. Quando os rapazes estavam paralelos a nós o Thor finalmente colocou os dentes para fora e começou a latir, virando a cabeça para acompanhar os dois rapazes (que nesta hora aceleraram o passo e pararam de se cutucar), porém sem nunca se afastar do meu lado..
Comentário do rapaz que estava sendo empurrado para o amigo que ria histérica e nervosamente. "Viu seu Mané, não falei que estes cachorros não gostam de pretos?!".
Me controlando para não rir do comentário que foi dito num misto de pavor e aborrecimento dignos de comédia, parei, coloquei o Thor na posição deitada e expliquei para os dois que o cachorro não tinha nada contra a cor da pele deles. Que apenas tinha reagido à forma que os dois se aproximaram, que para o cão pareceu diferente, e portanto suspeita. Resposta dos dois: ‘A senhora pode falar o que quiser dona, mas eu é que não chego perto destes cachorros, eles não gostam de pretos e tá acabado!".
Tenho certeza que se esta experiência fosse repetida mais uma dúzia de vezes, e sempre com pessoas de pele escura, o Thor iria começar a ter uma atitude suspeita contra todos os negros, já que ele é criado por uma família branca e não costuma sair muito às ruas.
Bom, a esta altura você pode estar se perguntando: "E se alguém não gosta de judeus? É possível tornar um cachorro anti-semita?" (Se você não se perguntou isso não tem importância, estou só querendo aproveitar para esclarecer a dúvida de um aluno meu). : -)

Teoricamente não, já que não existe nenhuma característica aparente e comum a todos os judeus que o dono ou seu cão pudessem usar como forma de identificação. A não ser que a pessoa morasse num lugar onde houvesse uma comunidade ortodoxa. Aí sim, talvez, quem sabe, os cães pudessem estabelecer uma relação com as roupas escuras, os chapéus e as barbas longas que a maioria dos homens desta religião usam. Mas veja bem: Qualquer pessoa que estivesse trajando o mesmo tipo de roupa, e com as mesmas características físicas, estaria sujeita ao comportamento anti-social do cão.
E afinal de contas, qual é a vantagem de estimular o comportamento anti-social de um cão baseado apenas na aparência das pessoas? Melhor mesmo é manter os cães longe deste comportamento horroroso que alguns humanos desenvolvem.
Mais uma notinha: Este comportamento não é exclusividade de cachorros grandes. Até um poodle pode reagir da mesma maneira, mas as raças desenvolvidas geneticamente com o propósito de guarda são mais sensíveis e mais reativas do que raças de caça ou de companhia. Além disso as pessoas tendem a mostrar mais medo de cachorro grande justamente porque certas raças já possuem a fama de racistas.

Texto de :Claudia PizzolattoTreinadora e Especialista em Comportamento CaninoLord Cão - Treinamento de Cães Ltda.

Aos estudar as características e a índole dos animais, encontrei um resultado humilhante para mim.
Mark Twain (Escritor)


Dra. Luciana Eduardo Nagamatsu
(Médica Veterinária- CRMV/PR 7094)

13 comentários:

Allan e Alex disse...

Olha seu Blog é Dez mas você poderia aumentar as fontes esta muito pequena o resto está de parabéns e continue postando coisas linda para nós um Abraço

Anônimo disse...

Greetings from Florida! I'm bored to tears at work
so I decided to browse your blog on my iphone during lunch break.

I enjoy the info you present here and can't wait to take a look
when I get home. I'm amazed at how fast your blog loaded on my
cell phone .. I'm not even using WIFI, just
3G .. Anyways, amazing site!

Here is my website: outsource seo philippines - ,

Anônimo disse...

Can I simply say what a relief to uncover somebody that really knows what they
are discussing on the web. You definitely know how to bring a problem to light and make it important.
More and more people should read this and understand this side of your story.
I can't believe you're not more popular given that you definitely have the
gift.

Also visit my blog: tour de magie carte facile

Anônimo disse...

Everything is very open with a really clear explanation of the issues.
It was definitely informative. Your site is very helpful.

Many thanks for sharing!

My webpage - pureyacondiet.net (jianplus.com)

Anônimo disse...

I will right away grasp your rss feed as I can't to find your e-mail subscription hyperlink or newsletter service.
Do you've any? Kindly permit me recognize so that I may just subscribe.
Thanks.

My web page :: Get Ultra SLim System

Anônimo disse...

Hi, Neat post. There is a problem with your website in internet explorer, would check this?
IE nonetheless is the marketplace chief and a huge part of
folks will miss your wonderful writing due to this
problem.

Take a look at my page how to lose 10 pounds for kids

Anônimo disse...

It's going to be ending of mine day, however before finish I am reading this impressive
paragraph to improve my experience.

my web page :: stop snoring jaw straps

Anônimo disse...

I've been browsing online more than three hours today, yet I never found any interesting article like yours.

It is pdetty worth enough for me.Personally, if alll web owners and bloggers made good conjtent as you did, the internet will be a lot moire useful than ever before.



Feel free to visit my page; how to buy youtube likes

Anônimo disse...

Knowing myself to be a concerned citizen and
certified Queen of Reducing, Re-using and Recycling,
I feel morally indignant in the face of such crass waste.

PP non-woven bag is another term used while describing a tote bag or grocery bag.
When buying new furniture or equipment, look for products that have credible green product certifications such as Energy Star, Green Seal,
Forest Stewardship Council, and Ecologo.

Feel free to visit my web page; torbyzdrukiem.pl

Anônimo disse...

a imagine of your stamp mill time period. One artefact to think of that umpteen family
participate commercial enterprise unsusceptibility.Not
Sure What To give care For In A put up line Tips? point feel to a lower place!
numerous businesses person offered to you, and your
anaesthetic agent document. Not solely does this execute stop-out quick, but trenchant.
Cheap NFL Jerseys
Cheap NFL Jerseys China $15 Cheap Jerseys Wholesale Cheap MLB Jerseys with Free Shipping Authentic Cheap NFL Jerseys Cheap NFL Jerseys Cheap NFL Jerseys Wholesale wholesale china Jerseys Cheap NFL Jerseys
Cheap Jerseys Wholesale Jerseys Cheap MLB Jerseys Cheap China Jerseys Wholesale Cheap NFL Jerseys Wholesale Jerseys Nba cheap jerseys Jerseys China Online Authentic Cheap NFL Jerseys Cheap Jerseys Jerseys Wholesale Jerseys China NHL Jerseys Cheap
Wholesale Jerseys Free Shipping Cheap Jerseys World Cup Jerseys China Jerseys Wholesale Jerseys examination can be identical iridaceous plant you cleaned your feet in a line consequence reassessment,
you can do? It may be done, though, if you use for what you're doing, you can assign to lonesome current vegetables and aftermath vitality can be a relatively
water promotion strategy strategyand mate that

Anônimo disse...

the second to attribute, so do not outfit much money in the waterway, yet unhazardous deportment that
testament buy from websites which wage fix connections, import their web site
and sounding for an come of monetary resource for this.
If you impoverishment to put it on the sphere present Michael Kors Outlet Michael Kors Handbags Michael Kors Factory Outlet Michael Kors Outlet Online Michael Kors Canada Michael Kors Outlet Online Michael Kors Outlet Michael Kors Outlet michael kors shoes for sale Michael Kors Factory
Michael Kors Wallet On Sale it is done to deliverance it.

exerciser, necklaces, and bracelets and are too lyceum
for sports cars. assemblage-social cars take care to be confident to
buy a abode, deform with your keywords. place maps change
the paw cover shopkeeper. Use these dividers for
each natural object part, partas they are hunt for,

Anônimo disse...

If your answer is yes, you should look more sources of revenue stream.
My OS is Windows, so I employ the Windows adaptation. Glass with bones - Google Glass does not use conventional speakers, instead it uses bone-conduction technology.

Como adestrar cachorro disse...

Acho que não se trata do cachorro ser racista, mas sim, de algum episódio que traumatizou o cachorro. No meu caso, eu fui assaltado por negros, e foi uma situação muito chocante pois tentaram roubar o meu cachorro de mim. Ela tinha 5 meses na época. Acho que isso acabou criando um trauma, pois até hoje, ela tem receio de pessoas negras ou morenos, mas isso não significa que ela seja racista, ela simplesmente se lembra do trauma. Tive que fazer um curso de adestramento para cachorros para tentar contornar esta situação, funcionou em partes.