domingo, 25 de março de 2007

Histórias de Circo que não são contadas

HOJE TEM PALHAÇADA? TEM SIM SENHOR!

NÃO! NÃO TEM!



Em alguns circos infelizmente o que tem é o sofrimento e a dor dos animais.
Os mesmos animais que nos fazem rir sem que saibamos a cruel tortura na qual são submetidos.
A imagem feliz dos animais de circo apresentada pelos promotores do circo e perderia todo seu charme se os detalhes horríveis de seu tratamento, treino, confinamentoo e vida sofrida viessem tona.
Os famosos ursos dançarinos, por exemplo, são obrigados a pisar em chapas de metal incandescente ao som de uma determinada música. No picadeiro, os ursos ouvem a música usada durante a tortura e começam a se movimentar, dando a impressão de estar danaçando, mas na verdade apenas se lembram das chapas quentes e automaticamente começam a erguer as patas.
O domador de leões acerta o chicote na ponta dos dedos ou no lombo dos animais. Depois de um certo tempo, o estalo de chicote no chão, o animal já se intimida e associa o barulho chibatada. Além disso são usadas barras de ferro.
Os macacos são chutados e apanham com chicote e pauladas na face. Muitos tem seus dentes arrancados.
Os elefantes, acorrentados, apanham com cabos de machados e paus com ganchos e são frequentemente agarrados com instrumentos pontiagudos pelas trombas, pernas traseiras e orelhas.
Os cavalos são açoitados por detrás das orelhas e no nariz.







Além disso todos os animais estão sujeitos a constantes choques elétricos, privação de água e comida e chicotadas.Os animais do circo trabalham com medo!



O dia -a - dia dos animais

Todos os animais de circo so aprisionados até a sua morte. Além de passar fome, os animais ficam confinados sem as mínimas condições de higiene, sujeitos a diversas doenças, inclusive doeçnas contagiosas ao próprio ser humano, como por exemplo a tuberculose.Tigres e leões ficam em jaulas tão pequenas que mal podem virar-se. Os Elefantes permanecem acorrentados o tempo inteiro. A apresentação dos animais é baseada no medo, na tortura e na anulação dos seus próprios instintos.
Uma questão de Comportamento:

Você já notou que os elefantes dos circos ficam balançando de um lado para o outro? Esse não é um comportamento normal. É o resultado de viver anos acorrentado, negado à necessidade de se mover livremente de um lugar para o ourtro.Os elefantes são animais sociáveis que vivem livres nas selvas com famílias unidas em grandes manadas. Enquanto livres, os elefantes caminham de 30 a 40 Km por dia coletando água e comida.A vida cruel para os animais de circos. A falta de comida, a tortura e o confinamento causa um comportamento agressivo nos animais . Você se lembra do incidente do CircoVostok? No circo Vostok um garotinho de apenas 6 anos foi morto por leões que estavam a 2 dias sem comer.
Por serem mantidos em cativeiro, os animais ficam estressados e adquirim hábitos como andar em círculos, morder grades, mastigar correntes ou dormir demais. Muitos animais entram em depressão.
O Transporte:


Os animais viajam constantemente por muitos quilômetros, de cidade em cidade, dentro de carrocerias escuras e sem ventilação.As carrocerias que transportam animais não possuem o controle de temperatura e os animais sofrem muito por causa disso. Os elefantes ficam em pé, acorrentados no mesmo lugar por horas a fio. Durante a viagem no há água ou alimentos frescos para os animais.

Depoimentos de Treinadores de Circos:

Alguns treinadores, contaram as seguintes histórias:


"Faltando apenas duas semanas para a noite de estréia tínhamos que trabalhar rápido e preparar os elefantes para a apresentação... A mais jovem era muito tímida e assustada.Um dia, a colocamos na arena para treinar. Ela não conseguia realizar os truques e fugiu. A Pegamos e a trouxemos de volta, forçamos para que se abaixasse e começamos a castigá-la por ter sido tão tola.... De repente, paramos de bater e olhamos um para o outro . Ela chorava como um humano, largada e deitada de lado, lágrimas escorriam de seus olhos e soluçava desesperadamente."
"Era uma inocente e doce ursinha marrom que nunca machucou ninguém...mas algumas vezes ela tinha dificuldade para realizar os malabarismos. Apanhava com uma longa vara de metal até que estivesse sangrando e gritando de dor. Ela ficou toda neurótica que eu batia sua cabeça contra sua pequena gaiola. Finalmente ela morreu.
Manifestação:


Foi realizada uma manifestação na Avenida Paulista, no dia 15 de abril de 2000, contra o uso de animais nos Circos. A manifestação contou, inclusive com a famlia do garoto morto por leões do circo Vostok. Muitas pessoas compareceram, e deram apoio campanha.
Circo Legal:


Não somos contra o Circo. Somos contra a apresentação de animais nos circos. Você já ouviu falar no "Cirque du Solei"? um Circo em que os animais não são usados. Há apresentações de mágica, palhaços, música, dança e muito malabarismo. O cirque du Solei é considerado hoje, o Circo com as melhores apresentações e artistas do Planeta.
Circos que não utilizam animais:

No Brasil:CIRCO POPULAR DO BRASIL - do ator Marcos Frota
O CIRQUE AHBAUI (nome francês mantido porque o circo foi criado na França)

No exterior:CIRCO DE SOLEIL (
CIRQUE DE SOLEIL) CIRCO OZ ( CIRCUS OZ)
Lembre-se:
A única lição que as crianças aprendem ao assistirem as apresentações dos circos, é que o homem é incapaz de respeitar os animais os forçando a realizar truques que não são de sua natureza.As torturas a que esses animais são submetidos torna os circos um ambiente inseguro para você e sua famlia.Somente quando as pessoas souberem que o o uso de chicotes, ganchos pontiagudos, choques elétricos, privação de água e comida e até mesmo o uso de drogas são alguns métodos usados para forçar a atuação dos animais, será o fim dessa tradição cruel e infeliz.

Declaração Universal dos Direitos dos Animais:

1 - Todos os animais têm o mesmo direito à vida.

2 - Todos os animais têm direito ao respeito e à proteção do homem.

3 - Nenhum animal deve ser maltratado.

4 - Todos os animais selvagens têm o direito de viver livres no seu habitat.

5 - O animal que o homem escolher para companheiro não deve ser nunca ser abandonado.

6 - Nenhum animal deve ser usado em experiências que lhe causem dor.

7 - Todo ato que põe em risco a vida de um animal é um crime contra a vida.

8 - A poluição e a destruição do meio ambiente são considerados crimes contra os animais.

9 - Os diretos dos animais devem ser defendidos por lei.

10 - O homem deve ser educado desde a infância para observar, respeitar e compreender os animais.



"Tome partido.
Neutralidade ajuda o opressor, nunca a vítima.
Silêncio encoraja o torturador, nunca o torturado"
- Elie Wiesel
"Entre a brutalidade para com o animal e a crueldade para com o homem, há uma só diferença: a vítima."
- Lamartine

Dra. Luciana Eduardo Nagamatsu - (Médica Veterinária - CRMV-PR-7094).
Email: reinodobicho@yahoo.com.br








Nenhum comentário: